Notícias
17/06/2020 - Gabinete do Prefeito
Prefeitura apresenta primeiro balanço sobre recursos do Fundo Municipal de Combate à Covid

A prefeitura de Minas do Leão fechou o primeiro balanço sobre os recursos arrecadados pelo Fundo Municipal de Combate à Pandemia de Covid-19, criado em abril para ajudar no custeio de despesas relacionadas à pandemia, exclusivamente nas áreas de saúde e assistência social. Até o começo desta semana, o fundo havia arrecadação R$ 53,3 mil, dos quais R$ 27,5 mil já foram aplicados.

O valor investido se dividiu, até agora, em duas frentes: aquisição de 150 testes rápidos para a Covid-19, no valor unitário de R$ 124,00, e a compra de 150 botijões de gás para as famílias mais carentes do município, com o valor de R$ 59,90 cada unidade.

Acerca da origem das doações, elas ocorreram a partir de dois depósitos da Câmara de Vereadores de Minas do Leão que totalizaram R$ 20 mil, outros R$ 18,6 mil da Comarca de Butiá e de Minas do Leão do Poder Judiciário (Fórum), e R$ 14,7 mil de doações de pessoa física, sendo que este último valor tem origem, quase que em sua totalidade, nos depósitos feitos pelo prefeito, vice-prefeito, secretários e outros cargos em comissão da prefeitura.

“Vemos que a ideia original do Fundo está funcionando na prática. Quando pensamos em abrirmos a possibilidade de doações em função da pandemia, nosso objetivo foi exatamente auxiliar nas ações de saúde e segurança. O Fundo certamente ainda terá mais doações. O valor que ainda virá e o que hoje temos de saldo está sendo usado com muita responsabilidade e planejamento, pois, pelo que estamos vendo, os reflexos da pandemia ainda vão longe e afetam principalmente os mais pobres”, comenta o prefeito Miguel Almeida.

Ainda segundo o prefeito, as próximas ações, custeados com recursos do Fundo, seguirão auxiliando principalmente as famílias em maior vulnerabilidade no município, incluindo um grupo de trabalhadores informais que estão sem renda em função da pandemia.

Leia Também
veja mais notícias